Minha conta
Os melhores currículos (CV) de arquitetura: como fazer o seu

Os melhores currículos (CV) de arquitetura: como fazer o seu

Replicar os melhores currículos de arquitetura não é fácil. Mas, este guia te mostra como fazer o melhor currículo de arquitetura, com exemplos e 18 modelos de curriculum.

Você passou anos projetando prédios, casas e imóveis de todos os tipos.

 

Você se garante na arte de criar projetos ousados.

 

Mas, e na hora de usar um modelo de currículo para criar o seu currículo de arquitetura perfeito? Você tem a mesma confiança?

 

Talvez não. Ainda não.

 

Este guia irá te dar dicas de como criar o currículo para arquitetura perfeito.

 

Não importa em qual grupo você se encaixa: profissionais veteranos ou alguém querendo criar o seu primeiro currículo para estágio em arquitetura.

 

Em 5 minutos, você verá irá aprender o que colocar no currículo para aumentar as suas chances de conseguir o seu objetivo profissional: o próximo emprego.

 

Este guia vai mostrar:

  • Um exemplo de currículo para arquitetura melhor do que 9 entre 10.
  • Como escrever um currículo para arquitetura que garante entrevistas.
  • Dicas e exemplos de como colocar suas habilidades e conquistas em um currículo para arquitetura.
  • Como descrever a sua experiência em um currículo para arquitetura, mesmo não tendo nenhuma (mas, será que não tem mesmo?).

 

Quer poupar tempo e fazer o seu currículo em 5 minutos? Experimente o nosso gerador de currículos online. Ele é rápido, fácil, conveniente e 100% personalizável. Escolha dentre 18 modelos de currículos profissionais para preencher.

 

modelo de curriculo

Modelo de currículo criado pelo nosso gerador de currículos. Descubra nosso criador de currículos.

Um dos nossos usuários, Nicolas, teve isso a dizer:

 

“Eu estava tendo dificuldade em deixar o meu currículo com apenas 1 página e em o deixar com uma aparência profissional. O gerador de currículos da Zety me ajudou muito!”

 

Criar o meu currículo agora

 

Exemplo de currículo para arquitetura para te inspirar (versão em texto)

Fernando Silva Couto

(21) xxxx-xxxx

fernando.silva@email.com.br

Rua Almirante Barroso, 41, apartamento 304, Rio de Janeiro, RJ

instagram.com\xxxx

 

Arquiteto inovador com 5 anos de experiência. Ao longo da minha carreira, criei diversos tipos de construções, incluindo casas, prédios e arranhas-céu. Sempre visando designs ousados, ganhei o Prêmio X em 2019. Busco continuar a desenvolver projetos que não seguem tendências, mas sim as criam, com a Empresa X. 

 

Experiência profissional

Arquiteto

Empresa X

Janeiro de 2015 até o presente

  • Consegui aumentar a precisão dos orçamentos em 40%;
  • Reduzi o custos das obras em 20%;
  • Acompanhei os projetos em todas as etapas;
  • Colaborei com o gestor de projetos para encontrar as melhores soluções.

Principal conquista

  • Vencedor do Prêmio X de melhor design em 2019

 

Educação

Universidade X

Bacharel em arquitetura e urbanismo (dezembro de 2014)

  • Vencedor do concurso de design do novo logotipo da universidade;
  • Formado com média 9;
  • Meu TCC está no processo de ser convertido e publicado como livro.

 

Idiomas

Escola de línguas X

Inglês avançado (junho de 2012)

 

Escola de línguas Y

Espanhol intermediário (conclusão estimada para janeiro de 2021)

 

Competências

  • Criatividade;
  • Comunicação;
  • Gestão de tempo;
  • Pacote Adobe;
  • AutoCad, Illustrator, Mockshop e outras ferramentas fundamentais para design arquitetônico.

 

1

Qual o melhor formato em currículo para arquitetura

 

Pense no seguinte:

 

Até o mais belos prédios precisam de uma fundação sólida para ficar em pé.

 

No seu currículo para arquitetura é a mesma coisa.

 

Se o recrutador não conseguir ler o seu currículo, ele será inútil. Tipo aquela casa muito engraçada, que não tinha teto, não tinha nada. Esperamos que você não esteja pensando em replicar este design.

 

Mas, enfim… 

 

Para que o recrutador possa ler facilmente o seu currículo, siga os seguintes passos:

 

Formatando o seu currículo para arquitetura

 

  • A letra não pode ser muito pequena, nem muito grande. Tamanho 11 é o ideal;
  • Use margens 1,5;
  • Separe as diversas seções do seu currículo para arquitetura deixando o título delas em negrito e ligeiramente maior do que o resto do texto. Tamanho 14 ou 16 é o ideal.

 

Se quiser ler mais sobre o assunto, temos um guia ensinando a formatar seu currículo: Formatação de curriculum vitae.

 

Depois de colocar as configurações ideias no Word, chegou a hora de começar escrever o currículo.

Dica valiosa: use a mesma fonte ao longo de todo o seu currículo de arquiteto. Desta forma, ele será mais fácil de ler.

E todo currículo para arquitetura começa com as informações pessoais.

 

Este tópico gera algumas controvérsias entre profissionais. 

 

O que colocar nas informações pessoais?

 

Primeiramente, coloque o seguinte:

 

Colocando informações pessoais no currículo para arquitetura

 

  • Seu nome;
  • Email;
  • Telefone;
  • Endereço;
  • Link para o seu portfólio online.

 

Fácil, né? Até agora sim, mas existem algumas questões que levantam dúvida.

 

Redes sociais, por exemplo. Pode colocar o Facebook? E o Instagram?

 

Para chegar em uma resposta, pense no seguinte:

 

Tudo no seu currículo deve ter como objetivo persuadir o recrutador de que você é a pessoa certa para a vaga.

 

Talvez você use o Instagram como portfólio online. Ou talvez você tenha uma página no Facebook onde compartilha suas criações.

 

Se esse for o caso, então pode pôr as redes sociais sim, pois elas mostram exemplos do seu trabalho. 

 

E o que mais você deve colocar no currículo?

 

Divida o seu currículo em 5 partes:

 

O que colocar no currículo para arquitetura

 

  • Objetivo do currículo;
  • Experiência;
  • Educação;
  • Habilidades;
  • Informações complementares (explicamos em breve).

 

Vamos explicar com detalhes a função de cada sessão em breve, mas é bom já ficar sabendo que a melhor forma de preencher elas é usando a ordem cronológica inversa.

 

Ou seja, coloque o fato mais recente primeiro e depois vá voltando no tempo.

 

Desta forma, a sua maior conquista fica em destaque. Além disto, este é o formato com qual os recrutadores estão mais acostumados. 

 

No final, não esqueça de salvar seu currículo em PDF. Este tipo de arquivo trava a formatação, garantindo que o recrutador vai ver uma cópia exata do que você criou. Mas, como algumas vagas não aceitam PDF, convém também ter uma versão do curriculum vitae em Word.

 

Mas, é claro que o formato que apresentei aqui é apenas uma possibilidade dentre várias. Você pode ver outros modelos de currículos para estágio que possuem diversos formatos. Também pode ler mais guias para se aprofundar no assunto.

 

2

O que colocar no objetivo do currículo para arquitetura

 

É hora de escrever. O objetivo do currículo é uma pequena frase no início do seu currículo para arquitetura que conta um pouco sobre seus objetivos profissionais.

 

Pense nisso como a fachada do seu currículo. É ele que convida o recrutador a entrar e explorar o interior... ou o convence a passar bem longe.

 

Mas, o que constitui um objetivo de currículo bem escrito?

 

Escreva um pequeno texto com 4 elementos:

  • Experiências.
  • Conquistas.
  • Objetivos.

 

Coloque-os na ordem de importância que julgar apropriada e também convém aproveitar e falar sobre alguma característica pessoal sua. E seja curto e direto. 3 ou 4 frases curtas são o bastante

Dica valiosa: na hora de falar sobre sua experiência, tente usar números para mostrar o impacto positivo que você teve na empresa.

Sobre os objetivos, é necessário um pouco de explicação. 

 

Alguns candidatos falam sobre como tem o objetivo de crescer profissional, aprender coisas novas e por aí vai…

 

Sabe o problema de falar isso?

 

Não?

 

Bom, pense o no seu currículo para arquiteto como uma propaganda. Ela tem o objetivo de vender um produto: o seu serviço.

 

Agora pense em como você consome uma propaganda.

 

Uma boa propaganda te convence a comprar um produto baseado nos benefícios que ele te traz.

 

As pessoas não querem “construir uma casa.” Eles querem um lugar onde podem viver de forma tranquila e relaxante.

 

Na hora de escrever o objetivo do currículo para arquitetura, muitos arquitetos cometem o erro de falar como a vaga beneficia ELES. 

 

Se você quer que a empresa compre o seu serviço, você precisa mostrar como ele vai beneficiar a EMPRESA.

 

Mas, como toda essa teoria aparece na prática?

 

Exemplo de objetivo de currículo para arquitetura 

 

CERTO

Arquiteto com mais de 10 anos de carreira. Ampla experiência projetando arranha-céus e gerenciando projetos de construção para empresas multinacionais. Também formado em gestão de empresas na Faculdade X, consegui reduzir os custos dos meus projetos em 30%. Busco entregar serviços do mais alto padrão internacional, com custos reduzidos, para a Empresa X.

ERRADO

Arquiteto experiente, busco novas oportunidades para criar projetos inovadores. Especialista em CAD e outras ferramentas, eu estou sempre aperfeiçoando meus projetos.

 

O exemplo CERTO mencionou os 4 elementos e falou sobre como ele pretende ajudar a empresa. Mas, ainda há mais uma lição importante aqui.

 

Note como ele fala dá um número preciso para os resultados dele (redução de 30% nos custos).

 

Isso mostra para o recrutador exatamente como o candidato contribuiu para os empregadores passados. Algo me diz que ele vai se interessar em contratar alguém que possa alcançar resultados semelhantes.

 

Outro fator que é importante manter em mente é que, de acordo com a Glassdoor, a mente humana processa números mais rápido do que palavras. 

 

Ou seja, usar números é a forma mais eficaz de comunicar o valor que você pode agregar à uma empresa.

 

Já o exemplo ERRADO cometeu dois erros graves. Primeiramente, ele desperdiçou espaço precioso dizendo que é especialista em CAD.

 

Profissionais experientes não precisam dizer que dominam ferramentas que são comumente usadas na arquitetura. Isso já é subentendido. 

 

O segundo grande erro foi focar muito no que ele quer e não em como ele pretende ajudar a empresa.

 

Mas, os exemplos que acabamos de ver falam sobre profissionais com ampla experiência.

 

E se você for alguém buscando um estágio de arquitetura ou um é um de muitos profissionais recém-formados buscando o primeiro emprego full-time?

 

O que colocar no objetivo do seu currículo para arquitetura nesse caso?

 

Bom, você não tem experiência trabalhando 8 horas por dia, com carteira assinada e tal…

 

Mas, isso não quer dizer que você não possui experiência nenhuma.

 

Qualquer coisa que te ajude a desenvolver habilidades relevantes para a vaga conta como experiência.

 

Isso inclui trabalhos voluntários, freelas, projetos pessoais e muitas outras coisas.

 

Veja o exemplo abaixo:

 

Exemplo de objetivo de currículo para estágio em arquitetura 

 

CERTO

Estudante de arquitetura e urbanismo na Universidade X. Passei um ano fazendo modelagem 3D de prédios e ambientes para o projeto voluntário Videogame X. O nosso jogo foi bem recebido pela comunidade com 90% de votos positivos. Busco combinar o meus conhecimentos de arquitetura com os meus de video games para criar projetos inovadores e criativos na Empresa X.

ERRADO

Estudante de arquitetura na Universidade X. Apesar de não ter experiência, tenho muita vontade e paixão pelo assunto e quer ter a oportunidade de praticar minhas habilidades.

 

Veja como o CERTO mostra que o candidato possui experiência relevante para um estágio em arquitetura. Ele usa números para mostrar o impacto do trabalho e fala sobre como ele pretende ajudar a empresa.

 

Perfeito.

 

O ERRADO, além de não mencionar nada disso, ainda comete o erro de declarar para o recrutador que não tem experiência. Provavelmente, o currículo para estágio de arquitetura dele foi jogado no lixo aí.

 

Mas, escrever um bom resumo vai muito além disso. Para se aprofundar no assunto, leia o nosso guia: Como fazer um resumo profissional para o currículo.

 

Ao fazer um currículo com o gerador de currículos da Zety, você só precisa arrastar e soltar os elementos que desejar (habilidades, experiências...). Existe até um corretor ortográfico para deixar seu currículo perfeito.

Ao terminar, o gerador de currículos da Zety avaliará o seu currículo e te dirá o que você precisa corrigir para fazer um currículo ainda melhor.

3

Colocando a experiência no currículo para arquitetura

 

Comemore. Você já criou a fundação e a fachada do seu currículo.

 

Hora de garantir que o recrutador não se arrependa de entrar para dar uma olhada.

 

A sua experiência profissional é a melhor forma de fazer isso.

 

Comece com o seu emprego mais recente.

 

Depois, liste o seguinte:

  • Nome da empresa;
  • Cargo;
  • Período de tempo em que ficou lá;
  • Algumas de suas atribuições e conquistas (não esqueça dos números).

 

Exemplo de como colocar a experiência profissional no currículo para arquitetura

 

CERTO

Arquiteto sênior e gestor de projetos

Empresa X

maio de 2017 até o presente

  • Principal arquiteto de uma firma internacional. Projetei e geri mais de 30 projetos ao redor do mundo.
  • Sempre entreguei meus projetos com mais de 95% de precisão no orçamento.
  • Recebi prêmios internacionais pelos meus designs.
  • Consegui otimizar processos para elaborar orçamentos e reduzir 10% dos custos dos meus projetos.
ERRADO

Arquiteto sênior e gestor de projetos

Empresa X

  • Usei CAD para criar projetos de arquitetura;
  • Colaborei com uma equipe para a realização de projetos;
  • Refinei minhas habilidades de modelagem 3D.

 

Note como o exemplo CERTO usa números para demonstrar de forma clara o impacto que ele teve na empresa. Além de listar as atribuições, ele também listou as conquistas. 

 

Isso sim é algo que vai chamar a atenção do recrutador.

 

Mas, e se você não for um profissional experiente. E se você for apenas um estudante buscando um estágio em arquitetura?

 

Sem pânico.

 

Como vimos anteriormente, qualquer coisa que tenha te ajudado a desenvolver suas habilidades conta como experiência. Basta seguir a mesma lógica do modelo mostrado acima e o sucesso será garantido.

Dica valiosa: o seu portfólio é importante para mostrar a sua experiência. Para demonstrar a sua versatilidade como arquiteto, inclua diversos tipos diferentes de projetos.

Quer saber mais sobre como colocar atividades extracurriculares e trabalhos voluntários no currículo? Veja o nosso guia Como fazer currículo para o primeiro emprego

 

4

Colocando a educação no currículo para arquitetura

 

Colocar a sua educação no curriculum vitae é tão importante quanto instalar uma viga de sustentação. Sem ela, todo o seu currículo cai.

 

Para isso, siga esses passos:

  • Liste a sua educação mais recente;
  • Coloque o nome da instituição;
  • o nome do curso;
  • a data de graduação;
  • use bullet points para listar as habilidades e conquistas mais relevantes.

 

E as notas? Pode botar o CR?

 

Depende. Apenas coloque as suas notas no currículo para arquitetura caso elas sejam realmente MUITO altas. Caso contrário, elas vão atrapalhar mais do que ajudar.

 

Exemplo de como colocar a educação em um currículo para arquitetura

 

CERTO

Bacharel em arquitetura na Faculdade X

Formado em dezembro de 2018

  • Vencedor do concurso de design da universidade em 2017.
  • Meu design foi escolhido para a remodelação da fachada da universidade.
  • Obtive o maior CR da turma.
ERRADO

Bacharel em arquitetura na Faculdade X

Formado em dezembro de 2018

  • Aprendi conceitos fundamentais da arquitetura
  • Desenvolvi minhas habilidades de design.

 

Observe como o exemplo CERTO mostra conquistas que são altamente relevantes para uma oportunidade profissional em arquitetura.

 

O exemplo ERRADO foca demais em coisas genéricas que não irão chamar a atenção de recrutador algum. Currículo jogado no lixo.

 

Mas, caso você seja um profissional experiente, pode pular algumas coisas. Só precisa listar o nome da instituição, o nome do curso e a data de graduação.

 

5

Colocando as suas habilidades no currículo para arquitetura

 

Mudar faz parte deste mundo em que vivemos. 

 

Tendências vêm e vão, mas algumas coisas sempre permanecem, tipo a beleza de um prédio em art deco. 

 

Outra coisa que sempre permanece é a vontade de um recrutador ver se você realmente tem o perfil profissional desejado pela vaga.

 

Listar as suas habilidades é um jeito certeiro de mostrar que você é a pessoa certa.

 

Mas, tome cuidado. É preciso planejamento.

 

Analise bem a vaga para qual você vai se candidatar. Provavelmente, o recrutador colocou uma descrição do candidato ideal.

 

Você não quer mostrar para ele que VOCÊ é o profissional certo?

 

Claro.

 

Então, liste no seu currículo para arquitetura as habilidades que o recrutador mencionou no anúncio. 

 

Mas, antes de sair escrevendo, considere uma coisa…

 

Hard e soft skills no currículo para arquitetura

 

Esses são basicamente os dois tipos de habilidades que uma pessoa possui. 

 

Hard skills são competência técnicas. Por exemplo: 

  • Programar;
  • Projetar;
  • Escrever;
  • Códigos de arquitetura;
  • Gestão de projetos;
  • Matemática avançada;
  • Planejamento de negócios;
  • Pesquisa de mercado;
  • Renderização 3D;
  • AutoCad;
  • Modelagem 3D;
  • Desenho;
  • Conceitualização de projetos;
  • Análise de dados;
  • Criação de orçamentos.

 

Soft skills são habilidades pessoais. Por exemplo: 

  • Comunicação;
  • Resolução de conflitos; 
  • Espírito de liderança;
  • Criatividade;
  • Trabalho em equipe;
  • Resolução de problemas;
  • Receptividade ao feedback;
  • Facilidade de aprendizado;
  • Pensamento crítico;
  • Inovação.

 

Um bom profissional é uma mistura de hard e soft skills. Por isso, mencione esses dois tipos de habilidade no currículo para arquitetura.

Dica valiosa: não minta na hora de mencionar suas habilidades. Uma hora ou outra, seus colegas de trabalho vão perceber. 85% dos candidatos mentem no currículo. Se tanta gente entrou nessa estatística, é por que foram apanhados.

Mas, depois de tanta teoria, chegou a hora da prática.

 

Imagine uma vaga com os seguintes requisitos:

Formado em Arquitetura;

Conhecimentos avançados de REVIT;

Conhecimentos avançados de AutoCad;

Experiência na área de licenciamentos industriais (preferencialmente);

Familiaridade com ambiente industrial;

Experiência e gosto por trabalho em equipa;

Elevado sentido de responsabilidade, dinamismo e proatividade;

Elevados níveis de maturidade, assiduidade e pontualidade.

 

Baseado nesta vaga, você pode colocar 3 soft skills e 2 hard skills no seu currículo para arquitetura.

 

Exemplo de como colocar as habilidades no currículo para arquitetura

 

Soft skills:

  • Espírito de equipe
  • Proatividade
  • Pontualidade

 

Hard skills:

  • REVIT
  • AutoCad

 

Para mais detalhes sobre como mencionar suas habilidades no currículo para arquitetura, leia o nosso guia sobre o assunto: Listando competências no curriculum vitae.

 

6

Sessões adicionais para colocar no seu currículo para arquitetura

 

Dizem que a diferença entre o ordinário e o extraordinário é apenas um pequeno extra.

 

É verdade.

 

E você precisa ter um pequeno extra para mostrar ao recrutador que você não é ordinário.

 

Você pode fazer isso adicionando algumas sessões no seu currículo.

 

Por exemplo:

 

Educação complementar: mencione cursos que você fez e que sejam relevantes para a vaga pretendida.

 

Certificados: Ao longo da sua carreira, você certamente tirou alguns certificados. Coloque eles no seu currículo.

 

Prêmios: Ganhou algo que seja relevante para a vaga? Fale sobre isso!

 

Idiomas: Muitos brasileiros não falam uma segunda língua. Caso você tenha alguma competência linguística, mencione isso!

 

Exemplo de como mencionar idiomas no currículo para arquitetura

 

CERTO

Inglês avançado

Curso X (Formado em dezembro de 2017)

Rio de Janeiro, RJ

Dica valiosa: Não esqueça que o currículo deve ter apenas uma página. Por isso, evite de adicionar muitas sessões extras.

Quer saber mais sobre como abordar estas sessões extras do seu currículo? Veja o nosso guia: O que colocar nas seções complementares de um CV.

 

7

Inclua uma carta de apresentação no seu currículo para arquitetura

 

Ter idéias é grande parte de ser um arquiteto. Depois você precisa comunicar essas idéias para outras pessoas.

 

Se comunicar de forma clara é fundamental para alguém na sua profissão.

 

Uma boa forma de demonstrar a sua capacidade de comunicação é incluir uma carta de apresentação bem escrita no seu currículo. 

 

Além disso, ela é mais uma ferramenta para persuadir o recrutador.

 

A carta de apresentação é basicamente um documento no qual você escreve um pouco sobre as suas experiências, a sua educação e por que quer o emprego. 

 

Mas, tem algumas coisas nas quais você deve prestar atenção antes de escrever:

  • Mostre que você entende as necessidades do recrutador;
  • Descreva as suas qualificações e seus objetivos de forma que mostre como você pretende ajudar a empresa;
  • A carta não deve ser mais longa que uma página.

 

Quando terminar, salve a carta em PDF, assim como o seu currículo para arquitetura.

 

Para uma análise mais aprofundada de como escrever uma carta de apresentação, leia o nosso guia: Como fazer uma carta de apresentação do currículo.

 

O que poderia ser melhor que uma carta de apresentação que combina perfeitamente com seu currículo? Você pode criar sua carta de apresentação online aqui, usando o mesmo modelo do seu currículo. Os seus documentos podem ter esta aparência:

 

modelo de carta de apresentação

Veja mais modelos de cartas de apresentação e comece a escrever a sua

Pontos-chave para se lembrar

 

Chegamos ao fim.

 

Depois de todas essas lições, você já deve ter um bom rascunho pronto. Agora é só ir aperfeiçoando o conceito.

 

Para isso, lembre-se de alguns pontos-chave sobre como fazer um currículo para arquitetura:

  • Formate o currículo da maneira correta.
  • Escreva um bom resumo.
  • Escreva suas experiências e habilidades de acordo com o que o recrutador escreveu.
  • Inclua uma carta de apresentação.

 

Seguindo essas dicas, é só uma questão de tempo até a sua carreira chegar mais alto que o Empire State. 

 

Mas, você ainda tem alguma dúvida? Quer saber mais sobre como listar conquistas no currículo? Deixe sua pergunta nos comentários e irei te responder pessoalmente.

Avalie meu artigo: curriculo arquitetura
Média: 5 (4 votos)
Obrigado por votar
Caio Sampaio
Caio é um especialista em carreira e construção de currículos. Ele escreve sobre vários assuntos no mundo do recrutamento. No tempo livre, ele lê livros, assiste filmes, joga vídeo game e mantem-se atualizado sobre o universo laboral. Tendo experiência com teatro, cinema e vídeo games, ele busca usar técnicas dessas indústrias criativas para criar currículos mais interessantes e atraentes.

Artigos Similares