Tipos de currículo: qual usar? (Exemplos e modelos ideais)

Tipos de currículo: qual usar? (Exemplos e modelos ideais)

Você já sabe o que colocar no curriculum vitae, agora basta montá-lo. Mas que formato usar? O tipo de currículo escolhido pode ser o que vai te fazer conseguir ou não a entrevista.

Existem diversos tipos de currículos, mas qual o formato perfeito?

 

A verdade é que cada estilo tem suas vantagens e desvantagens.

 

Nesse guia você vai descobrir qual o tipo de currículo que funciona melhor para você e qual a melhor estrutura de curriculum vitae para o emprego que busca.

 

Veja uma descrição detalhada dos 3 formatos mais comuns, com dicas, modelos, exemplos e instruções para montar cada tipo.

 

 De quebra, leia o capítulo extra no final para checar algumas ideias “fora-da-caixa”.

 

Quer poupar tempo e fazer o seu currículo em 5 minutos? Experimente o nosso gerador de currículos online. Ele é rápido, fácil, conveniente e 100% personalizável. Escolha dentre 18 modelos de currículos profissionais para preencher.

 

modelo de curriculo

Modelo de currículo criado pelo nosso gerador de currículos. Descubra nosso criador de currículos.

Um dos nossos usuários, Nicolas, teve isso a dizer:

 

“Eu estava tendo dificuldade em deixar o meu currículo com apenas 1 página e em o deixar com uma aparência profissional. O gerador de currículos da Zety me ajudou muito!”

 

Criar o meu currículo agora

 

Os tipos de currículos

 

Existem diversos tipos de currículos, diferenciados pela maneira como a informação é organizada. São eles:

 

Para escolher o melhor para você, é necessário entender o quê cada tipo destaca.

 

Vamos começar pelos três tipos de currículos tradicionais:

 

1. Currículo cronológico (inverso ou direto)

 

Caso queira focar na sua experiência laboral, o currículo cronológico é o mais recomendado. Esse tipo de currículo destaca naturalmente a seção com trabalhos anteriores.

 

Nesse modelo de curriculum vitae suas conquistas são listadas em ordem de acontecimento. Elas podem ser listada das mais antigas para as mais novas (cronológico direto), ou das mais recentes às primeiras (cronológico inverso).

 

O cronológico inverso é o mais recomendado em quase todos os casos, pois ele destaca suas conquistas mais recentes, que normalmente são as mais relevantes para a vaga que você quer.

 

Um forte argumento a favor desse estilo é que ele é o mais cômodo para os recrutadores, porque:

  • Eles já estão acostumados a ler, por ser o tipo mais comum;
  • Ele destaca sua experiência laboral que é o que recrutadores olham primeiro;
  • Softwares que “escaneiam” CVs muitas vezes são otimizados para esse tipo.

 

Para construir esse currículo, siga essa estrutura:

  1. Informação de contato
  2. Resumo profissional ou objetivo do currículo
  3. Experiência laboral
  4. Formação acadêmica
  5. Habilidades ou competências
  6. Informações complementares

 

Para ficar ainda mais claro, veja um modelo:

 

Exemplo de currículo cronológico inverso

 

 

 

Os pontos a favor e contra esse modelo de currículo são:

 

Pontos positivos e negativos do currículo cronológico:

 

Prós:

Contras:

Recrutadores estão acostumados a ler.

Por ser o mais comum, não se destaca logo de cara.

Softwares que “escaneiam” CVs também têm sucesso lendo esse tipo.

Destaca os períodos sem trabalho de quem tem uma carreira instável.

O tipo reverso destaca o ponto principal da sua carreira (mais recente).

Por destacar o que você tem feito, não é ideal para quem quer mudar de carreira.

 

Mas e se o seu objetivo não for destacar a experiência?

 

Existem outras opções que funcionam bem:

 

2. Currículo funcional ou temático

 

Esse tipo de currículo é dividido em seções, cada uma com o nome de uma competência relevante para a vaga. A ideia é destacar suas habilidades.

 

Dentro de cada uma dessas seções, escreva um pequeno texto sinalizando que você tem aquela competência. A experiência, quando existente, pode ser listada dentro dessas seções.

 

Para construir esse currículo, siga essa estrutura:

  1. Informação de contato
  2. Objetivo do currículo
  3. Habilidades
  4. Experiência laboral (pequena seção, se tiver)
  5. Educação

 

Os recrutadores não estão acostumados a receber esse tipo de currículo, o que é um ponto negativo.

 

Além disso, por começarem a analisar um curriculum vitae pela experiência laboral, esse estilo pode ser confuso. O recrutador ao pegar um currículo desse modelo pode não saber para onde olhar.

 

E recrutadores olham para um CV em média por seis segundos, então deixá-los confusos pode não ser uma boa ideia.

 

Apesar disso, por destacar competências ao invés de sua experiência, esse modelo de curriculum vitae é ideal para quem busca o primeiro emprego.

 

Ele também funciona bem para autônomos, freelancers, quem teve uma pausa longa na carreira ou para qualquer outro tipo de casos em que a experiência laboral não é o ponto mais relevante.

 

Um currículo temático tem essa cara:

 

Exemplo de currículo funcional ou temático

 

 

Resumindo, quais as vantagens e desvantagens desse estilo?

 

Pontos positivos e negativos do currículo funcional ou temático:

 

Prós:

Contras:

Se você adquiriu seus talentos através de pequenos projetos, ele destaca essas competências ao invés de longos períodos de emprego.

Os recrutadores podem ter dificuldades para achar as informações que eles querem.

É um estilo criativo que funciona para indústrias menos tradicionais.

Ao bater o olho, recrutadores podem achar que você está escondendo algo, por não focar na experiência.

Não é necessário listar experiências para quem tem um histórico complicado.

Não funciona para a maior parte dos softwares que “escaneiam” currículos.

 

Ao fazer um currículo com o gerador de currículos da Zety, você só precisa arrastar e soltar os elementos que desejar (habilidades, experiências...). Existe até um corretor ortográfico para deixar seu currículo perfeito.

Ao terminar, o gerador de currículos da Zety avaliará o seu currículo e te dirá o que você precisa corrigir para fazer um currículo ainda melhor.

Algumas pessoas querem focar tanto nas competências quanto na experiência. O estilo a seguir é ideal para isso:

 

3. Currículo combinado ou misto

 

Às vezes chamado de “cronológico funcional”, esse currículo tenta combinar o melhor dos dois outros tipos, dividindo o foco entre habilidades e experiência.

 

Para obter esse efeito, crie um currículo dividido entre seções de competências, como o funcional, mas adicione uma seção de experiência ocupando um espaço considerável.

 

A estrutura será mais ou menos assim:

  1. Informação de contato
  2. Habilidades
  3. Experiência laboral
  4. Educação

 

É o tipo mais complexo dos três e mais difícil de se fazer, porque a atenção de recrutador deve ficar dividida entre as seções de competências e experiência, sem destacar demais nem um, nem o outro.

 

Funciona muito bem para quem teve uma pausa na carreira, mas que apesar disso, teve experiências laborais valiosas que quer destacar. Por exemplo, quem quer mudar de área profissional.

 

Difícil imaginar a aparência desse currículo? Veja um exemplo abaixo:

 

Exemplo de currículo combinado ou misto

 

 

Legal, né?

 

Mas, como sempre, há prós e contras:

 

Pontos positivos e negativos do currículo combinado ou misto:

 

Prós:

Contras:

Destaca suas competências e, ao mesmo tempo, valida elas com sua experiência.

É útil para pouca gente, já que os dois tipos anteriores são ideais para a maioria dos candidatos.

Bom para quem teve pausas na carreira, mas não abre mão de ressaltar o que já fez.

É difícil de criar.

 

Esses são os 3 tipos de currículos mais tradicionais e mais utilizados.

 

Já decidiu qual é o melhor para você?

 

Caso ainda não tenha certeza, vamos recapitular, de uma maneira bem visual:

 

4. Recapitulando: qual formato de currículo escolher?

 

Veja os pontos principais da discussão na tabela abaixo:

 

 

Cronológico inverso

Funcional ou temático

Combinado ou misto

Foco principal:

Experiência

Habilidades

Experiência e habilidades

Seção de experiência:

No topo, ressaltada

No fim, se tiver

No meio, destacada

Seção de habilidades

No meio, relevante

No topo, relevante

No topo, relevante

Vantagem principal:

Fácil de analisar

Tira a pressão da experiência

Enfatiza e valida competências

Ponto-fraco principal:

Comum, não é criativo

Sugere que você esconde algo

Útil para poucos candidatos

Bom para:

Quase todos os candidatos

Criativos, autônomos, inexperientes

Quem quer mudar de carreira

Não é ideal para:

Quem tem histórico de carreira com grandes pausasProfissionais experientesEstudantes, primeiro emprego

 

Mas e se você quiser ir por um caminho menos tradicional? A próxima seção pode ser perfeita para você:

 

Os outros tipos de currículos

 

Tipos diferentes de currículos aparecem o tempo todo.

 

Alguns vieram para padronizar o formato de CV para um determinado campo, como o currículo Lattes, enquanto outros surgiram como uma tentativa de ser criativo e se destacar, como o vídeo-currículo.

 

Esses são os 4 tipos diferentes de CV mais buscados pelos brasileiros:

 

Currículo Lattes

 

O Currículo Lattes é um padrão de CV desenvolvido pela plataforma Lattes.

 

Ele surgiu em 1999 e é voltado para acadêmicos e estudantes. É interessante criar esse currículo se você for dessa área, mas apenas se você for dessa área.

 

Europass

 

Europass é um padrão europeu de currículo, que pode ser feito on-line assim como o currículo Lattes.

 

Apesar de ser de graça, esse curriculum vitae não costuma ser recomendado nem para quem procura um emprego na Europa.

 

A intenção por trás da iniciativa é boa, mas o template não segue as melhores práticas do mercado, e o currículo não destaca o candidato, pois ficou muito comum no velho mundo.

 

Currículo Web

 

Com a tecnologia ficando cada vez mais acessível, cresce o número de pessoas que fazem um website sobre si mesmo e o usam como currículo.

 

Essa pode ser uma boa opção para quem busca criar um currículo criativo ou quer mostrar para os recrutadores suas habilidades relacionadas à criação de websites.

 

Um problema desse approach é convencer os recrutadores a abrirem seu website e analisá-lo, ao invés de ler os outros currículos que eles recebem por meios tradicionais.

 

Uma alternativa simples é o Linked In, que já é conhecido dos recrutadores e funciona como uma espécie de CV. Apesar disso, normalmente o site não substitui um currículo tradicional, que ainda é pedido em quase todos os processos seletivos.

 

Existe também a opção para baixar seu currículo do LinkedIn.

 

Vídeo Currículo

 

O vídeo currículo é outro tipo de currículo não-tradicional que está sendo cada vez mais usado, conforme a tecnologia fica mais acessível.

 

Trata-se simplesmente de um vídeo em que o candidato se apresenta e detalha suas competências e experiências.

 

Infelizmente, pode ser muito difícil convencer um recrutador a assistir ao seu vídeo.

 

Video currículos fazem sentido para quem busca uma profissão em que vídeos são relevantes, como para atores ou editores de vídeo.

 

O que poderia ser melhor que uma carta de apresentação que combina perfeitamente com seu currículo? Você pode criar sua carta de apresentação online aqui, usando o mesmo modelo do seu currículo. Os seus documentos podem ter esta aparência:

 

modelo de carta de apresentação

Veja mais modelos de cartas de apresentação e comece a escrever a sua

Pontos principais - Tipos de currículos

 

  • Existem três tipos de currículos:
    • Cronológico
    • Funcional
    • Misto
  • Cada um deles funciona melhor para um tipo de candidato, e tem suas próprias vantagens e desvantagens.
  • O ponto principal para escolher que currículo usar é entender que tipo de informação cada modelo vai destacar.
  • Você pode criar quaisquer dos três modelos com o gerador da Zety.

 

Chegamos ao fim do guia, espero que as dicas tenham sido úteis e que você tenha escolhido o modelo de curriculum vitae perfeito!

 

Gostaria de ouvir de você:

  • Houve algum ponto que eu não toquei, que você gostaria de discutir?
  • Qual é a maior dificuldade ao escolher o tipo de currículo?
  • Deixe-me saber! Vamos conversar na seção de comentários abaixo.
Avalie meu artigo: tipos de curriculo
Média: 5 (2 votos)
Obrigado por votar
Bruno Bertachini
Bruno é um especialista em carreira da Zety comprometido em oferecer conselhos ocupacionais que agreguem valor a profissionais em todas as etapas de suas jornadas.

Artigos Similares